Sou advogada há quase cinco anos, possuo uma especialização e atualmente faço mestrado em tecnologia. Agora que atingi um mínimo de experiência profissional me pergunto se estou no caminho certo, porque me dei conta de que existem mais de 1 milhão de advogados se formando todos os anos. Isso me desanima e me faz pensar: como vou me destacar nessa multidão? Quantos anos? Quanta energia? Quantas renúncias? Também acho que os grandes escritórios de advocacia centralizam a maioria dos processos e clientes, e diante da abundância da mão de obra pagam muito pouco.  Estou desanimada com a carreira que escolhi. Somado a tudo isso sinto que cheguei num nível da carreira que preciso me posicionar para seguir em frente ou mudar enquanto é tempo. Assim, questiono: é normal sofrer com esse paradoxo no início da carreira?

Advogada, 27 anos

Antes de mais nada, parabéns por estar preocupada e completamente fora da zona de conforto ainda mais no início da carreira. Ser uma pessoa insatisfeita tem lá sua vantagens e desvantagens. Se é uma insatisfação positiva, que te faz crescer, enfrentar desafios e buscar alternativas visando o melhor para o futuro da tua carreira, é saudável. Em excesso, pode tornar você uma pessoa que passa uma imagem negativa e afasta pessoas. Ninguém quer ficar perto de alguém eternamente insatisfeito.

Você está em uma etapa de carreira e idade que posso considerar jovem, podendo mudar de rumo e iniciar uma nova carreira, mas tem que ter em mente que essa escolha tem que ter muitas chances de dar certo. Mesmo iniciando essa nova carreira, você terá que estudar, começar quase do zero dependendo do que escolher.

Como não tenho informações sobre os teus interesses, motivações e habilidades não tenho como opinar sobre essa nova carreira, por isso vou me ater à tua carreira no campo do direto. Há uma realidade a ser enfrentada: muitos profissionais optaram pela advocacia o que gerou um mercado ofertado. Soma-se a isto a crise econômica que está afetando a maioria das carreiras e diminuído as oportunidades profissionais. Com este cenário, você terá que lidar com uma realidade e variáveis cujas mudanças não estão ao teu alcance.

Contudo, muitas variáveis estão nas tuas mãos e você pode agir e ser das escolhas que venha a tomar. A carreira em direito tem diversos caminhos que podem ser trilhados, muito além dos escritórios de advocacia, como atuar na área jurídica de empresas, concurso público, dar aulas, atuar em algumas consultorias que prestam serviços especializados, entre outros.

Vejo que você investe na sua formação e me surpreendeu positivamente o mestrado em tecnologia. Você deve ter optado por essa matéria por algum motivo, mas penso que você pode juntar o direito e a tecnologia e descobrir novas carreiras onde as duas áreas se complementam.

O mundo passa por uma rápida revolução totalmente baseada em tecnologia e você tem que aproveitar essa onda em especial no vasto universo da internet com por exemplo e-commerces, negócios e plataformas digitais. As possibilidades são muitas, como a aplicação do marco civil da internet, segurança da informação, direito autoral e propriedade intelectual e em especial a área de compliance alinhada ao universo digital.

Com todas estas opções, vá atrás de pessoas que fizeram essas escolhas, investigue, leia artigos de consultorias de estratégia ou mesmo relatórios de instituições que estão pensando e prevendo o futuro para daqui a dez anos, como os relatórios do World Economic Forum, além de faculdades internacionais altamente conceituadas nas duas áreas de direito e tecnologia.

Com essas informações, defina quais são as empresas que teriam muito interesse em um perfil como o seu. Investigue se os escritórios já tem áreas voltadas à área digital ou se irão montar. Certifique-se se realmente é algo que faz brilhar os seus olhos. Se você optar em permanecer em escritórios, terá que continuar investindo tempo e muita energia para se destacar, principalmente no momento atual, o que não deixa de ser uma opção. Lembre que a carreira em direito tem uma vantagem competitiva: não tem um prazo de validade. Você pode exercê-la em qualquer idade, desde que esteja atualizada e tenha clientes. Mas nem se preocupe com essa etapa, invista nas escolhas que você deve fazer agora. Boa sorte!